Page Nav

HIDE

Grid

GRID_STYLE

Classic Header

{fbt_classic_header}

Header Ads

//

Breaking News

latest

MUNDO | DIREITOS HUMANOS - EUA classifica perseguição em Xinjiang como genocídio e crime à humanidade.

Anúncio ocorre na véspera do fim do mandato de Trump; EUA é o primeiro país a reconhecer perseguição   Os EUA declararam a campanha da China...

Anúncio ocorre na véspera do fim do mandato de Trump; EUA é o primeiro país a reconhecer perseguição

 

Os EUA declararam a campanha da China contra a minoria uigur, na província de Xinjiang, como "genocídio" e "crime contra a humanidade". O anúncio foi feito na tarde desta terça-feira (19), véspera do fim do mandato de Donald Trump, confirmou o portal Axios.

 

Em comunicado, o secretário de Estado Mike Pompeo afirmou que a declaração ocorre após um "exame cuidadoso dos fatos disponíveis" analisados desde março de 2017.

 

"A China, sob controle do Partido Comunista Chinês, é responsável por crimes contra a humanidade à população uigur, predominantemente muçulmana, e outros membros de grupos étnicos e religiosos minoritários em Xinjiang", diz o texto.

 


Uigures na cidade de Kashgar, Xinjiang, China, em julho de 2017 (Foto: CreativeCommons/Marc van der Chijs)

 

Pompeo cita ainda que o Partido Comunista Chinês também "cometeu genocídio" na região. "Os crimes em andamento incluem a prisão arbitrária de mais de 1 milhão de pessoas, esterilização forçada, tortura e trabalho forçado", denuncia.

 

O governo dos EUA também lista restrição à liberdade religiosa, liberdade de expressão e de movimento. Os crimes aconteceriam em campos de detenção, estruturas se multiplicaram nos últimos anos.

 

Com raízes étnicas e culturais na Ásia Central, a comunidade uigur reúne uma população de 11 milhões de habitantes e é vista pela maioria han – 92% dos chineses – com desconfiança. Os uigures enfrentam discrimação da sociedade em geral e do próprio governo chinês.

 

Washington foi o primeiro a adotar esses termos ao descrever graves abusos de direitos humanos cometidos por Beijing no extremo noroeste do país. A medida deve inflamar as disputas comerciais e tecnológicas entre os dois países.

Pressão internacional

 

Antes de Pompeo, o próximo presidente dos EUA, Joe Biden, também classificou a campanha chinesa contra os uigures como "genocídio". Além dos EUA, o chanceler do Reino Unido, Dominic Raab, já denunciou a "barbárie" da China.

 

Londres anunciou uma série de multas a todas as empresas que não provarem que suas cadeias de trabalho estão livres do trabalho forçado. Além disso, a Lei Magnitsky, aprovada pela UE (União Europeia), facilita a punição a violadores de direitos humanos.

 

Beijing, por sua vez, pressiona os parceiros internacionais a se opor a qualquer crítica às suas políticas em Xinjiang e nega as acusações.

 

FONTE: AREFERENCIA.COM

 

We are always looking after you!

 

Official Illuminati AAM

 

 

CURTA A NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK, SIGA-NOS NO INSTAGRAM E TWITTER, COMPARTILHE AS NOSSAS PUBLICAÇÕES E INSCREVA-SE PARA RECEBER DIARIAMENTE OS NOSSOS CONTEÚDOS E NOTÍCIAS.

 

EM ALGUM LUGAR EXISTE ALGUEM PRECISANDO DE NOSSA MÃO AMIGA!

Junte-se à sociedade fraternal dos Illuminati e alcance riqueza, fama, poder, proteção, talentos, sabedoria e conhecimento. 

🔺👁🔺

 

🔺Feedburner https://feedburner.google.com/fb/a/mailverify?uri=OfficialIlluminatiAam


🔺Instagram https://www.instagram.com/officialilluminati.aam/

 

🔺Facebook https://m.facebook.com/officialilluminati.aam/

 

🔺SITE Official https://www.officialilluminatiaam.com/

 

🔺Twitter https://twitter.com/illuminati_aam/

 

🔯 For your membership, contact:

🔺️ US HEAD OFFICE;

🔺️ e-Mail: officialilluminati.aam@gmail.com;

🔺️Whatsapp Master +55 61 982960500

 

#mudedevida #novaordemmundial #newwordorder #thesecretofpower #officialilluminatiaam #chefouasuahora #666 #fiquerico #illuminati #brasil🇧🇷 #france🇫🇷 #kenya🇰🇪 #unitedkingdom🇬🇧 #uzbekistan🇺🇿 #uganda🇺🇬 #philippines🇵🇭 #nigeria🇳🇬 #kigalirwanda #masonicbrothers #content #illuminatibrasil🔺🇧🇷🔺 #illuminatibrotherhoodofficial #illuminatibrotherhoodmember

 

Nenhum comentário

Usuários online