quarta-feira, 29 de maio de 2013

ANTT lança edital com 135 vagas, a maioria para Brasília



Fim da espera. Foi divulgado nesta quarta-feira (29/5) o novo edital de concurso público da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), com oferta de 135 vagas de níveis intermediário e superior - 130 delas com lotação em Brasília/DF. O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) é a banca organizadora. Do total de chances, nove são reservadas às pessoas com deficiência. O salário chega a R$ 10 mil.

Para nível superior as oportunidades serão para os cargos de analista administrativo e especialista em regulação de serviços de transportes terrestres. A remuneração é de R$ 9.263,20 e R$ 10.019,20, respectivamente. Para nível médio os postos em disputa são de técnico administrativo e de técnico em regulação de serviços de transportes terrestres, os salários vão de R$ 4.760,18 a R$ 4.984,98. Todos com jornadas em 40 horas semanais de trabalho.

Para concorrer aos postos de nível superior é preciso ter graduação em administração, biblioteconomia, ciências contábeis, direito, comunicação social, tecnologia da informação, análise de sistemas, sistemas de informação, engenharia da computação ou ciência da computação, engenharia ambiental ou em engenharia florestal, engenharia civil, engenharia civil/engenharia de produção e de estatística.

Interessados podem se inscrever entre os dias 10 de junho e 2 de julho pelo site www.cespe.unb.br/concursos/ANTT_13. As taxas variam entre R$ 80 e R$ 100.

Todos os participantes serão submetidos à prova objetiva de conhecimentos básicos e de conhecimentos específicos, bem como à prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório, composta por uma redação dissertativa. Além disso, haverá avaliação de títulos, de caráter classificatório, para cargos de nível superior. As avaliações objetivas e discursivas serão aplicadas em Brasília, Boa Vista, Porto Velho e Rio Branco no dia 11 de agosto na parte da manhã para nível superior e da tarde, para intermediário.

Haverá, ainda, uma segunda etapa composta por curso de formação e que será realizada apenas em Brasília, mas só para os aprovados na função de especialista em regulação de serviços de transportes terrestres.

Planejamento autoriza Funasa a contratar 336 temporários



O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP) autorizou a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) a contratar 336 profissionais de nível superior temporariamente. As vagas oferecidas serão para engenharia da saúde pública V (264), engenharia da saúde pública IV (22) e profissionais para celebração e prestação de contas e convênios (50). As informações foram publicadas no Diário Oficial da União, desta quarta-feira (29/5).

Os profissionais serão contratados para desempenhar atividades relacionadas à análise e aos processamentos administrativos decorrentes de demandas pendentes de prestação de contas e de celebração de convênios, assim como para a elaboração, acompanhamento, coordenação, supervisão, monitoramento e avaliação de projetos básicos e executivos de obras civis e de saneamento básico relacionado aos empreendimentos atuais e à resolução do passivo de projetos da Funasa. O prazo de duração dos contratos deverá ser de um ano, com possibilidade de prorrogação até o limite máximo de cinco anos. A remuneração não foi divulgada.

Saiba mais
O último certame da Funasa foi em 2011, quando ofertou 411 oportunidades para cargos de níveis médio e superior. Houve chances para os cargos de auditor, biólogo, farmacêutico bioquímico, técnico em assuntos educacionais, engenheiro, contador, agente administrativo, técnico de contabilidade, administrador, analista de suporte de sistemas, arquiteto, arquivista, auditor, bibliotecário, biólogo, contador, engenheiro, estatístico, farmacêutico bioquímico, geólogo, sanitarista e técnico em assuntos educacionais.

O processo seletivo foi organizado pela Fundação Cesgranrio. Todos os candidatos inscritos passaram por avaliações objetivas e discursivas. Concorrentes graduados também foram submetidos a avaliação de títulos.

As chances foram destinadas aos estados do Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Tocantins e também no Distrito Federal.

Provas para 125 mil inscritos no concurso da ANVISA neste domingo

No próximo domingo (2/6), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aplicará as provas objetivas e discursivas para 125.585 candidatos que desejam uma das 314 vagas de níveis médio e superior disponíveis. Além de Brasília, a primeira fase do concurso será aplicada nas capitais Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Boa Vista, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Macapá, Maceió, Manaus, Natal, Palmas, Porto Alegre Porto Velho, Recife, Rio Branco, Rio de Janeiro, Salvador, São Luís, São Paulo, Teresina e Vitória. Confira aqui o seu local de prova, no site da Cetro Concursos, banca organizadora da seleção.

 Para realização da prova, o participante deverá comparecer ao local designado para as provas com antecedência mínima de uma hora do horário de fechamento dos portões, que se dará, impreterivelmente, às 8h para os cargos de técnico administrativo, técnico em regulação e vigilância sanitária, analista administrativo e especialista em regulação e vigilância sanitária. Para os cargos de analista administrativo e especialista em regulação e vigilância sanitária as provas serão realizadas às 16h, observado o horário oficial de Brasília. A duração das provas vai variar de quatro a cinco horas, de acordo com o posto escolhido. O gabarito oficial será disponibilizado no site da Cetro na data prevista de 3 de junho.

A seleção oferta remunerações que variam de R$ 4.760,18 a R$ 10.019,20 para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. Os aprovados trabalharão na capital federal.

Mesmo com a concorrência alta (399 por oportunidade), há dicas para você se dar bem na prova e garantir uma vaga. O professor João Coelho, do IMP Concursos, que ministra a disciplina de Noções de Regulação e de Agências Reguladoras, dá uma aula para obter sucesso nas provas objetivas e discursivas. Confira no vídeo a seguir e aproveite para comentar.

segunda-feira, 27 de maio de 2013

MPDFT abre nove vagas para formados em Direito; salário de R$ 22 mil





Nove vagas para o cargo de promotor de justiça adjunto foram abertas no novo concurso do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT). De acordo com o edital de abertura, divulgado nesta segunda-feira (27/5) poderão se inscrever bachareis em direito com comprovada idoneidade moral, e com, no mínimo, três anos de atividades jurídicas.

A remuneração é bem atraente: R$ 22.854,46. Interessados em concorrer devem se cadastrar pelo site www.mpdft.gov.br/30concurso, entre os dias 28 de maio e 26 de junho. A taxa custa R$ 230. Cinco por cento das vagas são destinadas às pessoas deficientes.

O concurso será composto por provas objetivas no dia 25 de agosto, além de provas discursivas, inscrição definitiva, prova de títulos e prova oral. A posse dos candidatos aprovados está prevista para 30 de maio de 2014. 

Ibama reabre prazo de inscrição para o cargo de Analista Administrativo


Data das provas foi alterada. As inscrições estarão abertas entre 27 de maio e 3 de junho

 O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) retificou, nesta quarta-feira (22/5), o edital do concurso público que oferece 61 vagas no cargo de Analista Administrativo. O número de vagas oferecidas no Distrito Federal foi alterado e agora reserva quatro oportunidades para candidatos com deficiência.

 Em razão das mudanças, o período de inscrições foi reaberto e houve alteração nas datas anteriormente divulgadas. Agora, para confirmar participação no certame, o candidato deverá acessar o endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos/ibama_13_analista_administrativo entre 27 de maio e 3 de junho e preencher o formulário de inscrição. A taxa é R$ 85,00. A data das provas objetivas e discursiva também foi alterada e está prevista para ocorrer em 21 de julho, no turno da tarde.

O edital prevê, ainda, que os candidatos que fizeram a inscrição e realizaram o pagamento da taxa, caso queiram, poderão solicitar a devolução do valor pago nos dias 27 e 28 de maio, também no endereço eletrônico www.cespe.unb.br/concursos/ibama_13_analista_administrativo.

Os candidatos que já tiverem efetuado a inscrição, e realizado o pagamento da guia de cobrança, que não solicitarem a devolução da taxa de inscrição, serão considerados inscritos no certame.

CONCURSO - Para concorrer às vagas, é necessário ter diploma devidamente registrado de conclusão de curso de graduação de nível superior. A remuneração é R$ 6.134,15 para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais.

 Os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva de conhecimentos básicos e específicos, além de prova discursiva que versará sobre disciplinas especificadas em edital.
As fases do concurso serão realizadas nas cidades Aracaju (SE), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Boa Vista (RR), Brasília (DF), Campo Grande (MS), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Macapá (AP), Manaus (AM), Palmas (TO), Porto Alegre (RS), Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Salvador (BA), São Luís (MA), São Paulo (SP), Teresina (PI) e Vitória (ES).


SERVIÇO
Concurso: Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama)
Cargo: Analista Administrativo
Vagas: 61
Remuneração: R$ 6.134,15
Inscrições: entre os dias 27 de maio e 3 de junho
Taxa: R$ 85,00
Provas objetiva e discursiva: 21 de julho

CESPE - UNB notícias


UNICEUB
Centro Universitário oferece 50 vagas para Vestibular de Medicina
O Centro Universitário de Brasília (UniCEUB) lançou processo seletivo que oferece 50 vagas no Vestibular de Medicina da Instituição. As oportunidades são oferecidas no campus da Asa Norte. Para se inscrever, é necessário acessar o endereço eletrônico www.cespe.unb.br/vestibular/uniceub_13 ou www.uniceub.br entre 20 de maio e 5 de junho e confirmar a participação. A taxa é R$ 230,00. Os candidatos terão os conhecimentos testados por meio de prova objetiva, que abordará diversas áreas de conhecimento. A aplicação da avaliação está prevista para o dia 29 de junho, no turno vespertino e terá a duração de 4h30.

942 vagas
UnB lança edital com as regras para processo de Transferência Facultativa

A Universidade de Brasília (UnB) está com inscrições abertas para admissão de alunos regulares de outras instituições de ensino superior para ingresso no segundo período letivo deste ano. Do total de 942 vagas, 896 são destinadas ao campus Darcy Ribeiro e outras 46 são reservadas para o campus de Planaltina. Existem oportunidades em 59 cursos de graduação. As inscrições ocorrem até 26 de maio, pelo endereço eletrônico www.cespe.unb.br/vestibular/trfac_13_2. A taxa é R$ 100,00. A seleção será composta de análise do histórico escolar e de uma prova escrita para avaliação de conhecimentos específicos do curso desejado, prevista na data provável de 30 de junho.

UnB
Instituição oferece 715 vagas para portadores de diploma de curso superior

Candidatos que possuem diploma de ensino superior e desejam ingressar em cursos de graduação da Universidade de Brasília (UnB) devem ficar atentos. A Instituição abriu 715 vagas em 53 cursos nos campus Darcy Ribeiro e Planaltina para estudantes que comprovarem o aproveitamento de, no mínimo, 20% de disciplinas obrigatórias e optativas no curso pretendido. Para se inscrever, é necessário acessar o endereço eletrônico www.cespe.unb.br/vestibular/dcs_13_2 e confirmar participação até 27 de maio. A taxa é R$ 100,00. O processo seletivo será composto por prova discursiva, com data prevista de aplicação para 30 de junho, além de análise do histórico escolar.

PROGRAME-SE
27/5
– Resultado final da prova objetiva e convocação para a perícia médica dos candidatos que se declararam com deficiência do concurso para os cargos de Analista e Técnico do Serviço Federal de Processamento de Dados (SERPRO)

 – Resultado final na terceira etapa (inscrição definitiva, sindicância da vida pregressa e investigação social, exames de sanidade física e mental, exame psicotécnico) e convocação dos candidatos para a quarta etapa do concurso para Juiz de Direito Substituto do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ/BA)

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Ministério do Planejamento autoriza concurso com 566 vagas para Polícia Federal


Saiu mais uma autorização do Ministério do Planejamento, desta vez para a Polícia Federal (PF). A corporação ganhou aval para realizar novo concurso público com oferta de 566 vagas. As oportunidades serão de cunho administrativo, nos postos de engenheiro (11), administrador (4), psicólogo (3), arquivista (2), assistente social (7), contador (5), todos de nível superior. Quem tem nível médio também poderá entrar na disputa pela função de agente administrativo (534). O edital deve ser publicado em até seis meses, ou seja, até novembro. As informações estão no Diário Oficial da União desta quarta-feira (22/5), na página 58 da primeira seção. 



Delegado, perito e escrivão
A PF tem outros três concursos em andamento com 600 vagas nos cargos de delegado (150), perito criminal (100) e escrivão (350). Organizado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), o certame reserva cinco por cento das vagas às pessoas com deficiência. As seleções estavam suspensas e foram retomadas neste mês.

Aspirantes a delegado precisam comprovar nível superior em direito. Para concorrer ao cargo de escrivão, o candidato deve possuir diploma de graduação em qualquer curso reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

A função de perito exige diploma nas áreas de ciências contábeis, ciências econômicas, engenharia elétrica, engenharia eletrônica, engenharia de telecomunicações, engenharia de redes de comunicação, ciências da computação, informática, análise de sistemas, engenharia da computação, engenharia agronômica, geologia, engenharia química, química industrial, química, engenharia civil e medicina, entre outros. Todos os candidatos precisam ter carteira de habilitação na categoria B, no mínimo.

Interessados podem se inscrever até as 23h59 do dia 3 de junho, pelo site www.cespe.unb.br/concursos/dpf_12_escrivao. A taxa de participação varia de R$ 125 a R$ 150.

A remuneração varia de R$ 7.514,33 a R$ 14.037,11 para uma jornada de 40 horas de trabalho por semana. Organizados pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), os concursos serão compostos por provas objetivas e avaliações discursivas, marcadas para 21 de julho, e também por exame de aptidão física, exame médico e avaliação psicológica. Aqueles que concorrem ao posto de delegado também passarão por prova oral e de títulos. Quem pleiteia a função de perito será avaliado pela experiência profissional. Escrivães terão prova prática de digitação. Aprovados em todas as etapas ainda serão submetidos ao curso de formação profissional, que será ministrado pela Academia Nacional de Polícia (ANP), em Brasília.

Entenda o caso
Os três concursos foram suspensos em julho de 2012 por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) por não destinar vagas às pessoas com deficiência. Na decisão, a corte determinou que houvesse a reserva de oportunidades para os portadores de necessidades especiais nos cargos policiais e que os candidatos fossem submetidos a todos os testes, avaliações e exames em igualdade de condições com os demais concorrentes do concurso. 

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Exército abre prazo de inscrições para 520 vagas hoje



As inscrições para o concurso público da Escola Preparatório de Cadetes do Exército (EsPCEx) começam nesta segunda-feira (20/05). São 520 vagas para o Curso de Formação e Graduação de Oficiais de Carreira da Linha de Ensino Militar Bélico. Quem deseja participar deve ser do sexo masculino, possuir nível médio de escolaridade, ter entre 17 e 22 anos e possuir altura mínima de 1,60m.

Para concorrer, basta acessar o site da escola e desembolsar a quantia de R$ 80. A seleção se dará em duas etapas: exame intelectual (dias 14 e 15 de setembro) e comprovação de requisitos biográficos, inspeção de saúde e exame de aptidão física. A solenidade de entrada e matrícula dos aprovados está prevista para o início de 2014, no dia 22 de fevereiro.

Os exames serão aplicados em diversos estados, sendo eles Acre, Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Rio Grande do Sul, Roraima, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo, Tocantins e também no Distrito Federal.

MPU tem 27% de abstenção





Bastante aguardado e concorrido, o concurso do Ministério Público da União (MPU) teve as provas da primeira fase aplicadas na manhã e na tarde de ontem. E, apesar da concorrência geral de 1.926 candidatos por vaga, o índice de abstenção do certame foi elevado: de 26,70%. Dos mais 283 mil inscritos, 75.614 mil desistiram do processo seletivo, segundo o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), organizador do certame.

Nos locais de prova, muitos candidatos mostravam tranquilidade. Cristina Araújo, 35 anos, disputou uma das 38 oportunidades para o cargo de analista processual, exclusivo para graduados em direito. “Achei as questões fáceis e dentro do que estava previsto no edital”, relata ela, que parou de trabalhar e se dedica à seleção há seis meses. Para não correr o risco de perder o certame, Cristina chegou uma hora antes de fecharem os portões no Centro Universitário de Brasília (UniCeub), na Asa Norte. “Estou confiante de que vou passar.”

Carlos Almeida de Hollanda, 26, por outro lado, teve dificuldades em responder as 120 questões objetivas e as discursivas do exame para analista. “Acho que não consegui passar dessa vez. Na hora, deu branco e eu não lembrei do pouco que estudei”, lamenta. Ele reiterou, no entanto, que a eventual reprovação não o fará desistir. “Vou continuar estudando até passar”, garante o bacharel em direito.   

Novacap abrira concurso com 400 vagas


  


                                                   
Mais vagas para o quadro de pessoal efetivo do Distrito Federal. A Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil, a Novacap, abrirá novo concurso público com oferta de 40 oportunidades e cadastro de reserva para cargos de níveis fundamental, médio e superior. Entre os cargos oferecidos, estarão os de analista de sistemas, advogado, engenheiro civil e engenheiro ambiental, entre outros. 

As informações foram divulgadas no Diário Oficial do DF desta segunda-feira (20/5), na página 12. Informações sobre salários e data de lançamento do edital ainda não foram divulgadas. Aguarde.  

segunda-feira, 13 de maio de 2013

MPU veja aqui seu local de prova




O Ministério Público da União divulgou os locais de prova para os 283.178 inscritos no concurso que oferta 147 vagas e cadastro de reserva. A concorrência ficou 1.926 candidatos por chance em aberto. Os exames objetivas e discursivas serão aplicados neste domingo (19/5). As etapas serão realizadas em todas as unidades da federação.

Para concorrentes a analistas haverá questões sobre língua portuguesa, noções de informática, legislação aplicada ao MPU e ao CNMP (conhecimento gerais), além de direito constitucional, administrativo, do trabalho, civil, processual civil, penal, processual penal, penal militar e processual penal militar (conhecimentos específicos).

Já para técnicos, além de português, noções de informática e legislação aplicada ao MPU e ao CNMP, a prova será composta por perguntas sobre ética no serviço público, raciocínio lógico (conhecimentos básicos, além de noções de direito constitucional e administrativo, administração e administração de recursos materiais (conhecimentos específicos).

Segundo o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), o cargos que angariou mais inscrições foi o de analista do MPU com lotação no Distrito Federal (21.890 concorrentes), seguido pelo posto de técnico do MPU para trabalhar em São Paulo.

Os cargos oferecidos são os de analista do MPU, apoio judiciário, com 38 chances para formados em direito. Salário de R$ 7.506,55. Há, ainda, 109 chances para técnicos administrativos, para quem tem formação de nível médio. A remuneração é de R$ 4.575,16. Apenas no DF, são oferecidas dez vagas mais cadastro reserva para analistas e 41 vagas mais cadastro para técnicos. 

Sudeco lança concurso com 100 vagas para Brasília



Foi publicado o edital de abertura da Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco). O certame oferece 100 vagas para os cargos de níveis médio e superior. Os cargos são para: agente administrativo, arquiteto, contador, entre outros. As remunerações oferecidas são de R$2.570,02 a R$5.081,18, para carga de trabalho de 40 horas semanais. Lembrando que é o primeiro concurso realizado pela Sudeco.
Inscrições
As inscrições serão aceitas pelo site da  Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab), organizadora, a partir das 10h desta quarta, 15, até as 23h59 do dia 16 de junho. As taxas serão de R$60 (nível médio) ou R$70 (superior).
Provas 
A prova será objetiva, eliminatória e classificatória. Serão cobradas as disciplinas de Língua Portuguesa, Rciocínio Lógico, Informática Básica, Legislação e Ética na Administração Pública e Conhecimentos Específicos.
Os locais e horários de prova estão previstos para serem divulgados no dia 24 de junho, e a avaliação está programada para ser realizada no dia 30 do mesmo mês. Será eliminado do concurso o candidato que não obtiver, no mínimo, 60% dos pontos da prova objetiva. A seleção terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.
Confira aqui o edital de abertura.

terça-feira, 7 de maio de 2013

MC retifica edital de concurso com 130 vagas




O Ministério das Cidades retificou nesta terça-feira (7/5) o edital de abertura do concurso com 130 oportunidades para níveis médio e superior. As mudanças dizem respeito às provas objetivas e discursivas. Mais informações estão disponíveis no Diário Oficial da União, na página 111 da terceira seção. As inscrições se iniciaram nesta segunda-feira (6/5) e segue até 27 de maio, pelo sitewww.cetroconcursos.org.br. A taxa varia entre R$ 39 e R$ 49.

De acordo com o edital de abertura, os salários vão de R$ 2.153,22 a R$ 4.834,22 para jornada de 40 horas semanais de trabalho. Os aprovados atuarão apenas em Brasília/DF. Os cargos para quem possui formação intermediária ou técnica são os de agente administrativo (com a maioria das chances, 78 delas) e técnico em contabilidade. Já para os graduados há oportunidades para arquivista, contador, economista, estatístico, técnico em comunicação social e analista técnico administrativo.

O concurso será composto por provas objetivas para todos os cargos e discursiva para candidatos que concorrem às vagas que exigem ensino superior. A data prevista para realização dos exames é 14 de julho. O conteúdo programático lista matérias como português, noções de informática, raciocínio lógico, legislação ética na administração pública, noções de direitos constitucional e administrativo e conhecimentos específicos.


Planejamento autoriza 950 vagas temporárias para o IBGE



Saiu nesta segunda-feira (6/5) a autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP) para realização de processo seletivo simplificado que contratará 950 agentes temporários em pesquisa de saúde para o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). As informações podem ser conferidas na página 102 da primeira seção do Diário Oficial da União.


Segundo a portaria, os agentes em pesquisa de saúde serão contratados para o desenvolvimento de atividades inerentes à Pesquisa Nacional em Saúde (PNS). O prazo máximo de duração dos contratos, considerando todas as suas prorrogações, deverá ser de seis meses, de acordo com o cronograma dos trabalhos.

Saiba mais
Outro certame no IBGE foi autorizado pelo Ministério do Planejamento em abril de 2013 com 440 oportunidades de níveis médio e superior. A permissão também veio por meio de portaria publicada no Diário Oficial da União.

Serão 20 vagas para o cargo de pesquisador em informações geográficas e estatísticas; 60 para tecnologista em informações geográficas e estatísticas; outras 60 ao cargo de analista de planejamento, gestão e infra-estrutura em informações geográficas e estatísticas; e 300 para técnico em informações geográficas e estatísticas. De acordo com a portaria, a responsabilidade pela realização do concurso será do IBGE, a quem caberá baixar as respectivas normas, mediante a publicação de editais, portarias ou outros atos administrativos.

De acordo com o Boletim Estatístico de Pessoal do MP, a remuneração para pesquisadores varia de R$ 6.557,47 a 8.328,97, de acordo com a titulação do candidato. Tecnologistas receberão salários entre R$ 5.909,63 e R$ 7.409,29. Já os analistas terão vencimentos de R$ 5.909,63 a R$ 7.409,29. Por último, técnicos podem receber até R$ 2.938,28.

O prazo para a publicação do edital de abertura será de até seis meses, portanto, até outubro.

Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados aprova regras mínimas para concursos públicos


Para o relator da proposta, novas medidas vão trazer mais segurança para os cerca de 30 milhões de candidatos que prestam concursos todos os anos. 

A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público aprovou proposta que estabelece regras mínimas a serem respeitadas em todo o País nas seleções para servidores de órgãos e empresas públicas, inclusive de economia mista ( PL 252/2003 ). A medida estabelece critérios para as diversas etapas do processo de seleção, desde a autorização do concurso até a posse do novo servidor. 

O relator da proposta, deputado Policarpo (PT-DF) recomendou a aprovação da proposta que, em sua avaliação, vai trazer segurança aos cerca de 30 milhões de candidatos que prestam concursos públicos todos os anos. Segundo ele, estão na proposta duas regras importantes.

“Não pode haver realização de certame sem vaga, ou seja, só com o cadastro de reserva. E também uma discussão que já tem na esfera judicial, mas que está garantida na proposta de lei, é que os aprovados dentro do número de vagas têm o direito de nomeação durante o prazo de validade do concurso”, afirmou. 
Prazos 
A proposta também estabelece que o concurso deve ser autorizado pelo órgão público um ano antes da prova - o prazo entre o edital e a prova deve ser de no mínimo dois meses. Entre outras obrigações a serem seguidas por todos os concursos públicos, está a de contratar um em cada três aprovados para as vagas previstas em edital imediatamente depois que o resultado for homologado.

O texto prevê também que a taxa de inscrição deve ser limitada a 1% do salário inicial do cargo, garantindo a gratuidade para quem for deficiente, estiver desempregado e não tiver renda ou também para quem tiver doado medula uma vez ou sangue três vezes no último ano.

Tramitação
A proposta agora vai ser avaliada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, antes de ser votada pelos deputados no Plenário.


1500 vagas em concurso para o HUB


 



Até o dia 20 de maio, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) vai receber propostas de preço de empresas organizadoras interessadas em elaborar as provas do concurso com 1.462 vagas para o Hospital Universitário de Brasília (HUB). O edital de chamada pública está disponível no Diário Oficial da União desta segunda-feira (6/5), na página 27 da terceira seção. O edital de abertura da seleção deve ser publicado em breve.
 
O aumento de pessoal do HUB é uma ação do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf). Com os novos servidores, serão reativados leitos que estavam parados devido à falta de funcionários, tais como seis leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal, 25 leitos para internação de dependentes de álcool e outras drogas, e 21 leitos para a rede de atenção de urgência e emergência, em parceria com a Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES/DF).  

Publicidade

Publicidade

Usuários online

Publicidade